Expedição Carretera Austral

Whats-App

Expedição Carretera Austral

Você gosta de desafios e de conhecer paisagens exuberantes? Então desperte o seu lado aventureiro e curta os vários roteiros off road organizados pela Horizontal Expedições. Nessa aventura de muita adrenalina, temos a chance de explorar lindíssimas paisagens do Chile. Com 1.240 km de extensão, a Carretera Austral, na Patagônia chilena, é uma das rotas mais cênicas e surpreendentes do mundo. Cercada por parques e reservas, fiordes, rios, lagos, pampas e picos de montanhas nevados, a Carretera Austral liga a cidade de Puerto Montt, na Região dos Lagos, a Villa O’Higgins, na Região de Aysén, percorrendo todo o norte da Patagônia chilena. A Patagônia é uma região que abrange uma vasta área no extremo sul da América do Sul, ocupando parte da Argentina e do Chile. Território cheio de mistério, que tem um forte magnetismo e um forte poder de sedução capaz de apaixonar todo aquele que se aproximar destas terras, deixando-se abraçar pela imensidão de seus horizontes diante de tamanha grandeza da Natureza. Carretera Austral (Ruta CH-7) é uma rodovia localizada no sul do Chile. Seu traçado atual de 1.240 quilômetros une Puerto Montt a Villa O'Higgins na comuna de O'Higgins, sendo a principal via de transporte terrestre da Região de Aisén e da Província de Palena na Região de Los Lagos, permitindo a ligação destas com o resto do território chileno. Devido às complicadas características geográficas do território, no qual predominam os Andes Patagónicos, lagos, turbulentos rios e a presença de campos de gelo, a rodovia está em permanente manutenção. Por outro lado, grande parte da rodovia carece de pavimentação. Sua construção iniciou-se em 1976 por ordem do Regime Militar, sendo um dos projetos mais caros e ambiciosos de todo o século XX no Chile. O trabalho dos membros do Exército do Chile habilitaria os diferentes trechos da rodovia ao longo dos anos 1980 permitindo a conexão da Patagônia chilena com o resto do país após anos de isolamento. A rodovia ainda não está completa e vários trechos são percorridos através de balsas, principalmente na parte setentrional da província de Palena, entre Hornopirén e Caleta Gonzalo. Em 2007, o Ministério de Obras Públicas do Chile anunciou a modernização da rodovia, pavimentando 330 quilômetros entre Chaitén e Coihaique e a construção do trecho terrestre entre Hornopirén e Caleta Gonzalo, cruzando o Parque Pumalín.